CONHEÇA 6 BARREIRAS QUE TE IMPEDEM DE ALCANÇAR O ORGASMO

CONHEÇA 6 BARREIRAS QUE TE IMPEDEM DE ALCANÇAR O ORGASMO

Conheça 6 barreiras que te impedem de alcançar o orgasmo

Algumas pessoas têm dificuldades para alcançar o orgasmo e ainda há outras que sequer conhecem essa sensação — e isso pode ocorrer tanto com a masturbação, quanto no sexo com algum parceiro.

Há diversas razões que podem levar a essa situação e gerar um bloqueio. Neste artigo, falamos um pouco mais sobre 6 delas. Continue a leitura para saber como vencer as barreiras que freiam o seu potencial orgástico!

1. Deixar de manter a atenção no momento presente.

Preocupações, estresse e falta de sintonia com o parceiro são alguns dos motivos que podem impedir você de relaxar e manter a atenção voltada para o ato sexual. Os fatores psicológicos afetam tanto homens (que têm dificuldades de manter uma ereção) quanto as mulheres (que não lubrificam, sentem dores e não conseguem chegar ao orgasmo).

Por isso, é necessário focar 100% no momento presente e prestar atenção nas sensações que surgem a cada toque, momento e som. Veja o que te proporciona mais prazer e guie o seu parceiro (ou parceira) para que saiba o melhor caminho.

2. Cansaço excessivo

Assim como as questões psicológicas, os problemas físicos também podem causar essas limitações que prejudicam suas experiências e a fadiga é uma delas. Porém, se ela é recorrente, vale a pena procurar saber quais são as possíveis causas — já que o problema pode ir além da correria rotineira e ser a consequência de algum problema de saúde.

Independentemente de qual seja o caso, tire um tempo para você e descubra coisas que ajudam a relaxar. Além disso, não tenha relações só pelo fato de querer agradar a outra parte. Respeite, antes de tudo, o seu ritmo e as suas vontades.

3. Apego a tabus

O sexo ainda é visto como tabu por muita gente, principalmente por pessoas que tiveram uma criação mais rígida. Nesses casos, é muito comum surgirem alguns sentimentos limitantes como:

  • ·         O sexo é impuro;
  • ·         O corpo é sujo;
  • ·         Culpa por sentir prazer.

Como consequência, dificilmente a pessoa consegue relaxar e se entregar ao momento de deixa de aproveitar a relação em toda sua plenitude — e, aí, alcançar o orgasmo é uma missão praticamente impossível.

4. Timidez e baixa autoestima

Se você tem problemas com a imagem que tem do próprio corpo e sente vergonha ao ponto de prejudicar sua vivência na hora do sexo, também está no grupo de pessoas que estão sujeitas a chegar ao orgasmo.

Uma forma de contornar isso é investir no autoconhecimento e na redescoberta do que te proporciona prazer. A masturbação é um excelente exercício: por meio dela, você consegue descobrir que tipo de toque te satisfaz mais, quais regiões são mais sensíveis e receptivas, a velocidade e intensidade do movimento, entre outras coisas.

5. Ansiedade ou medo de não alcançar o orgasmo

Ficar muito encanada e ansiosa para chegar ao orgasmo em suas relações ou já começar o ato com medo de não conseguir também são dois problemas. Você se lembra que ali em cima falamos sobre como as questões psicológicas afetam sua entrega? Aqui, caímos na mesma situação.

Essas preocupações podem roubar a sua atenção na hora do sexo e impedir que você se concentre plenamente em cada sensação vivenciada. É aí que o prazer não é explorado e te deixa ainda mais longe do objetivo.

6. Traumas sexuais

Pessoas que viveram alguma experiência traumática (como abusos) também podem sofrer algum bloqueio na hora de se relacionar (afetiva e sexualmente) com outras pessoas. Nesse caso, o problema já pode se iniciar lá na falta de libido e se estender pela falta de prazer durante o sexo.

Nesse caso, é muito importante buscar ajuda para lidar com essas questões e ter um preparo adequado para ter uma vida sexual mais saudável, feliz e plena. E já que estamos falando disso, não deixe de procurar profissionais da saúde (médicos e psicólogos) e especialistas em comportamento — no caso dos aspectos sexuais, um Sexological Bodyworker (educador sexual somático) pode ajudar você a reaprender a dar e receber prazer de forma saudável.

Entender essas barreiras e conseguir ultrapassá-las é fundamental para que você consiga alcançar o orgasmo e ter uma vida afetiva e sexual mais saudável, plena e feliz.

O que achou deste artigo? Que tal aproveitar para ampliar seus conhecimentos sobre sexualidade, emoções e espiritualidade? Então, visite o blog e confira os conteúdos que postamos por aqui!

Paula Manadevi

Sexóloga Sistêmia, Educadora Sexual Somática e Terapeuta Tântrica Integrativa.

Deixe um comentário